Skip to main content

Você sabe quem são os Vovonautas?

Vovo-Nalta

Quando você pensa em avôs e avós, qual imagem lhe vem à cabeça? Velhinhos simpáticos sentados na cadeira de balanço, ela fazendo tricô e ele contando histórias? Pois bem, seu pensamento está atrasado, é o que mostra o estudo do IBGE que fez o levantamento do uso da internet no Brasil. Segundo o instituto, os vovonautas estão a todo vapor na internet, representando um crescimento de 222,3% no número de internautas na faixa etária de 55 a 64 anos em apenas seis anos.

O que eles fazem na rede?

Os vovonautas acessam as redes sociais, interagem com seus familiares e amigos, fazem pesquisas na internet e usam o Skype e o Whatsapp. São donos felizes de desktops, notebooks, tablets e smartphones, dispositivos que até pouco tempo atrás eram vendidos com foco no público jovem.

O que isso representa?

Essa enxurrada da terceira idade na internet traz um novo panorama para as empresas brasileiras, as quais devem criar novas formas de interação para atingir este público específico, que adentrou o mundo digital para fugir da solidão e poder estar mais perto da sua família, mesmo que à distância. São pessoas que não veem a velhice como uma barreira para o aprendizado, mostrando-se mais ativos e preocupados com a qualidade de vida.

De acordo com pesquisa realizada pelo site G1, os vovonautas passam, em média, 53 horas mensais na internet, acessando-a dos mais variados dispositivos, como computadores de mesa, smartphones e tablets. A resistência inicial da terceira idade às novas tecnologias da informação e da comunicação é quebrada assim que eles percebem os benefícios de estar conectado à internet e, consequentemente, a outras pessoas. Eles percebem que o contato com parentes e amigos, que antes era feito apenas por telefone, pode ser prático e seguro por meio de ferramentas como o Skype, que proporciona videoconferências gratuitamente. A saudade é reduzida com o auxílio da tecnologia, e assim os vovonautas não se sentem excluídos da sociedade, mas sim uma parte importante dela.

Quais são os interesses dos vovonautas?

Os vovonautas já representam 8,1% da população ativa na internet, o que significa 3,72 milhões de avôs e avós conectados à rede. Com interesses próprios, eles assistem filmes que não passam mais na TV, consultam receitas, trocam informações, participam de fóruns e debates, leem jornais e compreendem um pouco melhor a cabeça de filhos e netos, que estão 24 h conectados à rede.

Quem são, afinal, os vovonautas?

Um reflexo da convivência, o número maior de vovonautas está concentrado nas residências onde os idosos têm contato diário com filhos e netos. A presença da tecnologia em casa desperta o interesse, faz com que eles percebam as vantagens de se estar conectado e tomem a iniciativa de aprender com as outras pessoas da casa. Em contrapartida, idosos que vivem isolados possuem baixo interesse em se aventurar com um computador ou outros dispositivos, suprindo suas necessidades de informação e comunicação com os meios tradicionais, jornais, telefone e televisão.

Você tem vovonautas em casa? O que acha disso? Compartilhe conosco!

 

Share on Facebook9Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *