Skip to main content

Como o Cloud computing pode auxiliar o mercado educacional

Blue cloud computing keyboard key, technology background

O conceito de conteúdo compartilhado na rede e acessado através de qualquer computador, tablet ou smartphone é cada vez mais comum a quem busca melhores resultados de produtividade. Hoje em dia, com uma boa conexão, o usuário pode facilmente utilizar uma “nuvem” e armazenar conteúdo relevante. Serviços como o Dropbox, iCloud e Google Docs tornam o dia a dia mais prático e aliviam o peso de nossas máquinas, pois a parte pesada do processamento vai toda para a nuvem. Se o cloud computing se faz cada vez mais presente no cotidiano atual, seja por prática pessoal ou corporativa, por que não utilizá-lo de maneira pedagógica? Felizmente esse conceito tem sido mais abordado e utilizado a favor do conhecimento e pode contribuir bastante para o sistema educacional.

Economia de tempo e recursos

A ampliação do uso do cloud computing traz uma ótima relação custo benefício. Através de meios de acesso, centenas de alunos podem alcançar informações de qualquer lugar. É basicamente fazer mais com menos. Menos equipamentos e objetos, mais conteúdo e aprendizado. Toneladas de cópias e material impresso podem ser poupados e, ao invés disso, serem facilmente acessados de casa. A possibilidade de atualização e economia de tempo também são duas grandes vantagens. Professores postam trabalhos online enquanto alunos salvam e desempenham as atividades de maneira prática, sem se preocupar com papéis espalhados pelos quatro cantos. Esse é outro dado importante: o fato de os alunos  terem acesso às mesmas informações relevantes além do horário de aula.

Maior número de informações disponíveis

Assim como o conteúdo armazenado na nuvem, entre documentos, arquivos de áudio, aplicativos e imagens, pode ser acessado a qualquer instante, um grande número de livros pode igualmente estar incluso no espaço. Isso significa uma possibilidade de estudar além de bibliotecas físicas, que muitas vezes ainda apresentam carência na variedade e atualização de seus títulos. O cloud computing facilita a sinergia entre diferentes escolas, criando uma rede, uma unificação muito interessante para o aprendizado de toda uma geração de alunos.

Maior produtividade

Um ambiente de colaboração e engajamento é propiciado pela computação em nuvem. Esses dois fatores talvez sejam os maiores benefícios pedagógicos proporcionados por esse sistema de mobilidade. A portabilidade dos dispositivos ajudam a romper barreiras de aprendizagem, permitindo maior fluidez no processo. Em suma, distâncias são encurtadas e o estudante se vê diante do conteúdo de maneira mais prática, presente em ambientes diversos.

Ajuda na organização

O back up feito pela nuvem é outra vantagem a ser levada em consideração em prol da organização e do aprendizado. Nada de perder material, pois o conteúdo é salvo automaticamente e mantido acessível de maneira segura. Muito mais do que uma solução corporativa em TI, o cloud computing tem se mostrado cada vez mais inserido na formação acadêmica, associado a cursos, workshops e graduações diversas. Conteúdo interativo sempre à mão promovendo conhecimento sem fronteiras. Se o conceito de cloud computing parecia coisa de ficção científica, agora se insere positivamente no ambiente escolar aumentando o aprendizado e auxiliando fortemente o sistema educacional.

E você leitor, utiliza de alguma forma o cloud computing?

O que acha da introdução deste recurso no sistema educacional? Conte pra gente!

Share on Facebook11Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *