Skip to main content

As 5 tendências da tecnologia na educação

foto blog

A tecnologia na educação tem sido um dos principais pontos discutidos em 2015. Em 2014, o investimento nela cresceu 55% e a expectativa é que cresça cada vez mais, segundo a CB Insights, empresa que ajuda a controlar negócios privados mais promissores.

Um relatório da Global Industry Analysts (GIA) prevê que o mercado mundial de e-learning (ensino eletrônico) vai chegar a 107 bilhões de dólares em 2015, impulsionado pelos avanços tecnológicos e pela procura de competências adicionais. Por isso, separamos as cinco principais tendências de mercado voltadas para tecnologia na educação.

1)  Aprendizagem corporativa online

O Instituto americano Christensen Institute prevê crescimento para iniciativas on-line de aprendizagem no meio corporativo. Isso porque há um grande número de empresas que estão percebendo a importância em aprofundar o conhecimento de seus funcionários de maneiras flexíveis, com custo-benefício e adaptada às necessidades de cada indivíduo.

A aprendizagem corporativa on-line permite aos funcionários em todos os setores e em qualquer nível hierárquico experimentar o poder de treinamento personalizado, a qualquer hora e por meio de qualquer dispositivo. As pessoas podem adaptar os estudos ao próprio ritmo, aprender o que precisam saber e explorar seus próprios interesses.

2)  Medir habilidades

Em conjunto com a dinâmica de crescimento da educação corporativa on-line, é esperado em 2015, a identificação de melhores formas de avaliar habilidades, medir o progresso individual, a aprendizagem baseada em competências, e, finalmente, ROI (Return on Investment, que em português significa Retorno sobre Investimento).

Ainda de acordo com o Christensen Institute, quando é oferecida educação personalizada, é  importante garantir que as experiências de aprendizagem modulares sejam interligadas de forma a promover a coesão.

Para que isso ocorra, são necessárias formas eficazes e constantes de medição de desempenho, de forma que garanta intercâmbios suaves entre cada experiência de aprendizagem.

3) Estilos de aprendizagem alternativos

Ainda que textos e vídeos sejam eficazes no aprendizado de estudantes e profissionais, novos estilos de aprendizagem continuarão a surgir em 2015, oferecendo aos alunos experiências online mais interativas como: escrita de código diretamente no navegador, completar os desafios on-line ou participar de jogos interativos como parte do processo de aprendizagem.

4) Treinamento baseado em competência Online. 

Embora as abordagens de formação baseada em competências e aprendizagem on-line não sejam novidade, a mistura dos dois é a criação de uma abordagem revolucionária para a educação.

Os criadores da Christensen Institute, Michelle R. Weise e Clayton M. Christensen, afirmam que a educação baseada em competências on-line tem “um grande potencial disruptivo”, pois incorpora não só o modelo de aprendizagem, mas também tecnologias certas, clientes e modelo de negócio.

Weise e Christensen explicam que os fornecedores de treinamento baseado em competência online “pode ​​ter um negócio rentável ao combinar módulos de aprendizagem em caminhos que são ágeis e adaptáveis ​​para o mercado de trabalho em mutação”.

5) Tecnologia para Flipped-Learning

O Flipped Learning, ou melhor, “classe virada” é uma forma de aprendizagem mista, onde os alunos assistem conteúdos em vídeo antes da aula presencial, em seguida fazem o trabalho em sala de aula com a orientação do professor. Essa abordagem ajuda a envolver os alunos dentro e fora da sala de aula.

Atualmente, ferramentas online e streaming de vídeo são fundamentais para esta abordagem e devem priorizar a otimização da interatividade. Usando a inovação para melhorar as escolas, a tecnologia tem sempre que manter o fim principal em mente, ao invés de empurrar inovações tecnológicas para a própria causa da tecnologia.

 

Baixe gratuitamente nosso Ebook com dicas para tornar sua aula mais atrativa e participativa!

Ebook - Dicas para tornar sua aula mais atrativa e participativa

 

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *